Her Mad Hatter – Opinião

Marie Hall - Her Mad Hatter

Título: Her Mad Hatter (Kingdom #1)

Autor: Marie Hall

Editora: Kindle

Páginas: 129

Género: Fantasia / Fairytale; Adult

Sinopse: Alice is all grown up. Running the Mad Hatter’s Cupcakery and Tea Shoppe is a delicious job, until fate–and a fairy godmother with a weakness for bad boys–throws her a curveball. Now, Alice is the newest resident of Wonderland, where the Mad Hatter fuels her fantasies and thrills her body with his dark touch.

The Mad Hatter may have a voice and a body made for sex, but he takes no lovers. Ever. But a determined fairy godmother has forced Alice into Wonderland–and his arms. Now, as desire and madness converge, the Hatter must decide if he will fight the fairy godmother’s mating–or fight for Alice.

Opinião

Este livro fala-nos um bocadinho sobre a história da Alice, neste caso é a bisneta da Alice que tem todo o protagonismo, sobre o Mad Hatter e sobre o país das maravilhas. Temos uma fada madrinha que ficou encarregue de todos os bad boys das fairytales, ela é uma doçura, eu quero uma fada madrinha como ela para mim. Os bad boys dela (Mad Hatter, Capitã Gancho, …) são um miminho, só apetece ler os livros seguintes.

Esta nova Alice sofreu bastante com problemas de saúde e é uma fanática por tudo o que é relacionado com “Alice no País das Maravilhas”. Neste género de histórias, em que uma das personagens é transportada para outro mundo, ou tem conhecimento de coisas que pensava que faziam parte das fantasias e contos de fadas, normalmente temos 2 reações: ou elas ficam todas malucas e metade do livro é sempre a dizer que não acreditam, ou então encaram a situação com calma de mais, como se até estivessem à espera que aquilo acontecesse. Neste caso a Alice foi um bocadinho diferente, ela faz esta adaptação de forma gradual. No início fica meia abananada (quem não ficaria) mas percebe que realmente passou para outro mundo e simplesmente começa a tirar partido disso e a explorar um mundo pelo qual sempre sentiu um fascínio.

O Mad Hatter não é nenhum galã, ele já perdeu a esperança de encontrar a sua cara metade e de ter os seu “felizes para sempre”, por isso quando esta nova Alice chega ele só quer distância dela. A relação entre os 2 ao principio é forçada, eles têm mesmo que se aguentar um com o outro, mas as coisas vão evoluindo lentamente. O Mad Hatter tem mesmo um pouco de louco, devido à maldição dele, cada vez mais fica perdido na sua própria mente. As cenas em que ele fica mesmo perdido foram muito boas, cada momento de loucura foi bem trabalhado. Em todas essas situações só dava vontade de ir para o lado dele e consola-lo e dar-lhe apoio, estava tudo tão bem detalhado.

O final é fabuloso, não estava à espera do que aconteceu à Alice. Dava para perceber o que ia acontecer no fim, depois de tudo o que passaram eles não podiam ficar separados. Mesmo assim a escolha da Alice foi difícil mas na realidade ela não tinha muita escolha. Só lendo é que percebem 🙂

Este livro foi sem dúvida uma maravilha, adorei-o do princípio ao fim. Tornou-se muito facilmente num dos preferidos deste ano. Vou continuar a ler os próximos e espero que sejam tão bons como este.

goldgoldgoldgoldgold

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s